Segundo ele, a gestão anterior gastou mais do que arrecadou e despesas consideradas obrigatórias, no valor de R$ 20 milhões, deixaram de ser pagas

Há 12 dias no cargo de secretário de Finanças, o vice-prefeito de Teresina, Robert Rios (PSB), chegou a constatação que a prefeitura da capital do Piauí está “tecnicamente falida”. Segundo ele, a gestão anterior gastou mais do que arrecadou e despesas consideradas obrigatórias, no valor de R$ 20 milhões, deixaram de ser pagas.

“INSS não foi pago, Pasep não foi pago, IPMT não foi pago. O INSS saúde não foi pago”, disse o vice-prefeito em entrevista à TV Cidade Verde.

O gestor alega que no dia 31 de dezembro de 2020 foram pagos R$ 26 milhões em despesas consideradas não essenciais, enquanto despesas obrigatórias não foram quitadas. “Pagou todas as empresas de publicidade, mas não pagou o INSS. A prefeitura está espatifada na parte financeira”, disse.

Robert Rios justificou o movido de denominar a prefeitura da cidade como “tecnicamente falida”. “Tecnicamente falido é quando a despesa é maior que a receita. Toda vez que no sistema econômico a despesa for maior que a receita, você está tecnicamente falido. Você vai escolher que despesas vai pagar e nós escolhemos. Vamos pagar os servidores, Pasep, INSS, custeio da máquina onde for possível”, afirmou, citando também parcelas de empréstimos.

“Está tecnicamente falida, pois não podemos pagar IPMT, tem um empréstimo vencendo de R$ 150 milhões, tem uma parcela de 800 mil dólares. Nós temos como pagar? Não. Por isso estamos tecnicamente falidos”, acrescentou.

O vice-prefeito disse ainda que vários contratos e convênios estão sendo auditados. “Estamos auditando tudo. No IPMT era para ter no fundo de previdência, algo em torno de R$ 950 milhões. Nós encontramos R$ 300 milhões. A dívida com o IPMT está em mais de R$ 100 milhões. Dinheiro que não existe”, finalizou.

Cidadeverde.com tentou contato com a assessoria do ex-prefeito de Teresina, Firmino Filho, que informou que ele se encontra de férias.

VEJA ENTREVISTA QUE O VICE PREFEITO DEU A TV CIDADE VERDE:

Fonte:cidadeverde.com