Piauí conta com 55 mamógrafos espalhados por todos os territórios, que em 2019 realizaram 60.780 mamografias

O diagnóstico e tratamento precoce do câncer de mama ajudam a salvar vidas de muita mulheres, disseminar a importância dessa ação faz parte da campanha Outubro Rosa, que está sendo lançada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi).

No Piauí, 66% das mulheres diagnosticadas com câncer de mama iniciam o tratamento antes dos três primeiros meses, como é instituído pela lei 12. 732/12, que recomenda o tratamento em até 60 dias após o diagnóstico.

“O tratamento e diagnóstico prévio ajudam a salvar vidas. Dos 131 óbitos registrados no ano de 2019, pela doença no nosso estado, 51% estavam no estadiamento três e quatro da doença, que são os níveis mais severos. Por isso a importância das mulheres buscarem as unidades de saúde para realizar suas consultas de rotina e mamografia”, lembra a coordenadora da Saúde da Mulher da Sesapi, Alzenir Moura Fé.

Até agosto de 2020 já foram confirmados 224 casos da doença no Piauí, no ano passado 584 mulheres foram registradas com câncer de mama e 131 vieram a óbito, número que apresentou uma queda com relação a 2018, quando foram contabilizados 187 mortes. Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) estimam 590 casos de câncer de mama no Piauí para o biênio 2020/2021.

“O autoconhecimento é fundamental para a prevenção da doença, por isso é recomendado que mulheres entre 50 e 69 anos realizem a mamografia pelo menos uma vez por ano. Porém, mesmo que a mulher não tenha câncer, ela precisa procurar o médico para fazer um acompanhamento da saúde da mama, ajudando, assim, na prevenção dessa doença. Agora com a volta das consultas e exames eletivos, pedimos às mulheres que busquem seus médicos”, ressalta Alzenir Moura Fé.

Para auxiliar as mulheres na prevenção e acompanhamento da saúde da mama, a Rede Estadual de Saúde do Piauí conta com 55 mamógrafos, espalhados por todos os territórios, que em 2019 realizaram 60.780 mamografias, dessas 42.272 (69,5%) em mulheres que estavam na faixa etária alvo de 50 a 69 anos e 18.508 (31%) estavam fora da faixa etária alvo. Já este ano, foram feitas 13.295 mamografias.

“Felizmente no Piauí conseguimos atender a demanda de tomógrafos estabelecida pelo Ministério da Saúde, de um para cada 240 mil habitantes. Mas estamos buscando ainda mais modernizar nossa rede de saúde da mulher assim auxiliando na prevenção de doenças como o câncer de mama”, destaca o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto.

Eventos

Este ano a campanha Outubro Rosa vai focar em eventos virtuais, devido à pandemia da Covid-19 e o primeiro será um debate virtual, nesta sexta-feira (2), às 14h30, por meio da plataforma Webex Meet.

Participarão do evento a coordenadora da Saúde da Mulher da Sesapi, Alzenir Moura Fé; o médico mastologista e oncologista Sabas Carlos, e assistente social Claudenice dos Santos.