Nesta segunda-feira (18), a Polícia Civil do Piauí, através da 19ª Delegacia Regional de Guadalupe, com o apoio da Gerência de Polícia do Interior-GPI, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva e um de busca e apreensão, contra um suspeito de praticar crimes de Estupro de Vulnerável e Importunação Sexual na cidade de Landri Sales no Piauí. A prisão aconteceu em Teresina.

As investigações tiveram início após notícias destes crimes praticados contra nove menores de idade, sendo cometidos por um membro de uma igreja local que seria pastor evangélico. A Polícia Civil fez representação ao Poder Judiciário pela decretação de prisão preventiva,  com parecer favorável do Ministério Público.
 

Segundo a polícia, a prisão do suspeito marca o início da Operação Anjo da Guarda em sua 1ª fase, desencadeada pela Delegacia Regional de Guadalupe com o intuito de coibir práticas criminosas relacionadas ao abuso e exploração sexual e infantil, tentativas de feminicídio, homicídio e crimes relacionados a violência doméstica e familiar contra a mulher nas cidades que compõem a regional.

A data de 18 de maio é alusiva ao Dia Nacional de Combate ao Abuso à Exploração Sexual contra crianças e adolescentes e marca também os 20 anos da Lei Federal 9.970/2000, que instituiu como crime a violência sexual contra crianças e adolescentes.

Fonte: https://www.viagora.com.br/