Foi lançado, nesta quinta-feira (7), no Palácio de Karnak, o 8º Sabor Maior, festival gastronômico de Campo Maior. O evento acontece nos dias 14, 15 e 16 de novembro, na Praça Valdir Fortes, e promete impulsionar a gastronomia local e reaquecer a economia do município.

O festival, que já faz parte do calendário cultural e econômico de Campo Maior, é realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo do Piauí (Setur), em parceria com a prefeitura municipal e apoio do Sebrae. Além de enaltecer a gastronomia, o Sabor Maior proporciona oportunidade de negócios, empregos e renda e leva entretenimento aos visitantes.

A oitava edição chega com novidades. Novos passeios turísticos serão ofertados, além do Festival de Arrumadinho e a presença da vice-campeã do Master Chef Brasil, Lorena Dayse. “Sempre que lembramos de uma boa comida típica do Piauí pensamos em Campo Maior. É uma terra de muitos sabores que se aperfeiçoou e hoje conta com muitos restaurantes e empreendedores que apostam nessa área. Esse festival movimenta a economia e o turismo, mostrando-se essencial todos os anos”, destacou o governador Wellington Dias.

Para este ano, 16 atrações nacionais, regionais e locais estão confirmadas, além da participação de, pelo menos, 25 estabelecimentos. “Preparamos um grande festival para os campo-maiorenses e turistas. Campo Maior possui uma bela história, com muitas festividades religiosas e belezas naturais, mas o que mais se destaca é a boa comida tradicional feita com os melhores produtos. Além de fortalecer a gastronomia, o Sabor Maior incentiva novos empreendimentos, o que é importante para a economia local. Esperamos que mais uma vez seja um evento de sucesso”, pontuou o prefeito Ribinha.

Para o proprietário do restaurante Canto do Sabiá, Michel Soares, o Sabor Maior é o evento mais esperado do ano. “Além de mostrar os nosso pratos tradicionais, como a carne de sol, o capote e a galinha, o festival propicia a divulgação de novos pratos. É um evento importante para os empresários da área, que agrega mais valor à culinária regional e possibilita que levemos a nossa gastronomia para outras regiões do país”, disse.

Programação

14/11

Biquini Cavadão, Toca do Vale, Lagosta Brozeada, Bill Balla e João Veloso

15/11

Araketu, Mara Pavanelly, Walkiria Estarley, Forró Absoluthe, Alline Cabral

16/11

Léo Chaves, Taty Girl, Waldo e Felipe e Forró Bandido