O governador Wellington Dias (PT) reagiu nesta sexta-feira (4) as críticas do prefeito Firmino Filho  (PSDB) com relação ao cofinanciamento da  saúde e repasses do ICMS. Ao ser questionado se as criticas são políticas, o governador disse que são “estranhas”. 

Firmino Filho apóia a decisão dos prefeitos que desejam ingressar na Justiça contra o Estado. Além do prefeito, a deputada Lucy Soares, que é primeira-dama, tem feito críticas ao Estado. 

“Se o Palácio das Cidades resolve antecipar o processo eleitoral e fazer das questões que são próprias do Estado e municípios, trazer para o campo da política, pode fazer, mas eu quero ficar na gestão administrativa. Quero cada vez mais resultados. Seguirei focado na gestão. Não alterarem o ritmo de trabalho. Sobre eleições só  tratarei em 2020. Não posso negar que está estranho “, disse.

Sobre as eleições, o governador falou sobre a relação com o ex-senador João Vicente Claudino. Wellington afirma que durante a sucessão de 2022, o nome de João Vicente será lembrado.

“O PT e PTB sempre estiveram juntos em todas as últimas eleições desde 2002. Estou feliz e quero seguir trabalhando. Sempre fui um grande parceiro do Piauí. Vamos seguir nessa direção.  É uma relação estratégica”, afirmou. 

Nova Maternidade 

O governador visitou as obras da nova maternidade. A obra deve ser entregue no final de 2020. Ele avalia que o cronograma tem sido cumprido.

“Estamos dentro do cronograma. Esse é o ponto importante. É um hospital grande. Ele tem por objetivo e, mais que substituir a maternidade Evangelina Rosa,  é  ter uma estrutura moderna e maior. São 286 leitos . É um parceria com o governo federal e ministério da Saúde. O secretário Florentino Neto sabe da importância de seguir o cronograma. A maternidade deve ser entregue no próximo ano”, afirmou Dias.

Wellington destaca a importância da maternidade para o atendimento à saúde de crianças e gestantes. 

“Fazemos o acompanhamento semanal e é a prestação de contas. O lado bom é que vamos ter uma estrutura nova e garantir melhor resultado com conforto para quem trabalha, médicos, enfermeiros e pacientes. O lado bom que é a obra deve ser entregue no   final do próximo ano. Vai  ser uma referência para  o Norte e Nordeste. É um prédio de oito andares e será referência”, disse.

Firmino nega motivação política em críticas

O prefeito Firmino Filho negou que as críticas ao governador Wellington Dias sejam políticas. Segundo ele, prefeitos que votaram no governador estariam insatisfeitos.