Existe realmente uma conexão entre falta de sono e ganho de peso? Estamos falando de acordar durante o meio da noite para comer e, assim, perder o sono? Se não, então qual é a conexão entre os dois?

Na verdade, a falta de sono pode causar muitos problemas relacionados à saúde, dos quais o ganho de peso é apenas um.
Existem duas razões principais para isso e vale destacar:
privação de sono e más escolhas alimentares por causa da alteração do apetite devido a uma mudança nos hormônios.

Privação de sono:

Quando o sono é privado, o sistema de metabolismo do corpo não funciona direito, por isso não está queimando calorias tão eficientemente quanto poderia. A questão parece vir de uma mudança na tolerância à glicose ou na capacidade do corpo de transformar a comida em glicose e levá-la para as células, onde ela pode ser usada como energia. Sendo privado de sono, a tolerância à glicose pode diminuir até 40%. Se as calorias não estiverem sendo processadas (usadas), elas são armazenadas como gordura, levando ao ganho de peso.

Escolhas alimentares ruins:

A outra parte são as escolhas alimentares ruins que fazemos quando o sono é privado. Estudos mostraram que a privação do sono provoca um aumento no “hormônio grelina”, que controla nosso apetite e uma diminuição na “leptina”, o hormônio que nos diz quando estamos cheios, saciados.

Efeito da madrugada sem sono… Exemplo:
Sem sono, pegamos uma xícara de café ou dois … ou três, junto com um “donut” para uma energia rápida. Aquela corrida de açúcar causada pelo açúcar no donut e no seu café, se você adicionar um pouco, logo desaparece e em pouco tempo você está de volta procurando por mais comida.

A questão é que você não está à procura de cenouras ou até mesmo fatias de maçã com manteiga de amendoim – algo que seria bom para você – não, você está de volta para algo igual ou algo que vai lhe dar uma corrida de açúcar maior novamente, tendo muitas calorias e absolutamente nenhum valor nutricional. O resultado a longo prazo deste comportamento alimentar é o ganho de peso. Normalmente, aqueles que são privados de sono consomem cerca de 300 calorias por dia a mais do que quando estão descansados. Em uma semana, isso é um quilo de ganho de peso apenas por não dormir o suficiente. Cinquenta e duas semanas, cinquenta e dois quilos!

Horas de sono:

(O número de horas de sono recomendado para atingir o bem-estar é completamente individual.
Portanto, alguns, chamados “curto-dormidores”, precisam de cerca de seis horas. Os “longo-dormidores” precisam de nove. E a maioria, ”indiferente”, precisa de oito horas.)

FICA O ALERTA:
Um adulto típico precisa de pelo menos 8 horas de sono de boa qualidade por noite para evitar a privação do sono e a alteração dos hormônios. Entre a combinação de ingerir menos calorias, adicionar a atividade física, esta podendo ser utilizada como tratamento terapêutico nos tratamentos dos distúrbios do sono. Pessoas mais ativas fisicamente tem sono mais relaxado e restaurador, basicamente, por dois motivos: devido a melhora dos mecanismos de regulação do próprio organismo e por apresentarem uma temperatura corporal mais baixa, tendo uma necessidade de reposição de energias maior(sono).

Renato Gomes
Personal Trainer
CREF- 0001035/G