O Banco do Brasil realizou, nessa quarta-feira (26), em Teresina, o lançamento regional do Plano Safra 2019-2020, que prevê a distribuição de R$ 642 milhões em crédito para pequenos, médios e grandes produtores rurais no Piauí. O diretor-geral do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Piauí (Emater), Francisco Guedes, participou do evento representando o governador Wellington Dias.

O superintendente regional do Banco do Brasil, Silvio Luiz, destacou que o crédito deve impulsionar toda a cadeia de negócios do Piauí e ressaltou que, somente em 2018, o banco desembolsou R$ 85,96 bilhões em crédito para a cadeia do agronegócio e da agricultura familiar no país inteiro, dos quais R$ 279 milhões foram no Piauí.

“Sabemos que o agronegócio representa muito para esse país, principalmente para nosso estado. Criam-se grandes expectativas que o agronegócio vá impulsionar toda a cadeia de desenvolvimento do nosso querido estado do Piauí e, para isso, conta com o apoio do  Banco do Brasil”, destacou o superintendente.

Francisco Guedes ressaltou que as ações de sua segunda gestão à frente do Emater têm como um dos focos a contribuição para o aumento do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Piauí por meio de políticas de assistência técnica voltadas à melhoria de vida das comunidades menos desenvolvidas do estado.

“Em pouco tempo desde que assumi a diretoria do Emater, já apresentei ao governador 14 projetos e temos como meta apresentar mais, estamos realizando parcerias para isso. Desses projetos, temos como prioridade a assistência técnica e extensão rural aos agricultores familiares com a finalidade de potencializar o crédito rural. Como meta com o Pronaf para investimento de mais de R$ 32 milhões na agricultura familiar, assim beneficiando diretamente mais de 11.500 famílias, contribuindo para  aumentar o IDH dos municípios piauienses”, destacou Guedes.

No Piauí, o Plano Safra 2019-2020 teve um aumento de 132% em relação ao plano anterior e há a previsão de que R$ 90 milhões sejam destinados ao crédito para pequenos produtores do estado.

Autoria: Luiz Carlos Júnior